Modelo de Negócio da Monetus

Modelo de Negócio da Monetus

O Modelo de Negócio da Monetus é do tipo corretagem de negócios. A Monetus é uma fintech brasileira, que nasceu em 2012, mas veio se tornar completamente digital somente quatro anos mais tarde. Nas palavras da própria empresa, a Monetus é uma “gestora de investimento digital”.

Em termos simples, trata-se de uma startup que gerencia seus investimentos por você. O usuário acessa o app, responde algumas perguntas feitas por um robô advisor e, a partir das respostas, a Monetus oferece uma solução para gestão dos investimentos.

Curso Business Model Canvas

A Monetus se estabeleceu no mercado digital após efetuar uma parceria com a Amaril Franklin, umas das corretoras mais antigas e tradicionais do Brasil. Tem uma equipe enxuta, mas grandes ambições. Vamos conhecer um pouco mais sobre o modelo de negócio da Monetus.

O que é a Monetus, afinal?

Monetus

A Monetus é uma gestora de investimentos on-line. Uma gestora, diferentemente de uma corretora, realiza todo o processo de investimentos para o cliente, a partir da identificação do perfil do investidor (de acordo com as informações coletadas inicialmente) e os investimentos nos quais ele escolhe investir. A gestora também acompanha os rendimentos e resgates efetuados.

A Monetus oferece três modelos de trabalho. O usuário pode “entregar” toda a gestão nas mãos da gestora e simplesmente escolher uma das carteiras montadas pelo sistema; pode criar sua própria carteira, utilizando as sugestões do app ou não; e pode comparar os fundos particularmente e escolher os investimentos que quer realizar.

As opções que envolvem maior participação do robô, o algoritmo, leva em conta inúmeras métricas que os gestores profissionais costumam observar ao fazer avaliação de fundos de investimento, tais como rentabilidade, volatilidade, histórico do fundo e taxas, entre outras.

O algoritmo da Monetus é atualizado diariamente e compara mais de 27 mil fundos, processando cerca de 300 milhões de dados para executar suas operações de avaliação. O que o cliente enxerga é o resultado de todo o processamento de informações.

Como a Monetus funciona?

Monetus

A primeira coisa que o usuário precisa fazer para abrir uma conta de investimento é o cadastro. Esse cadastro faz algumas perguntas iniciais, incluindo renda, idade e algumas questões referentes a conhecimento e interesse relativos a investimentos.

70% de Desconto no Super Combo do Analista

Após, para criar a primeira conta, você precisará informar qual é o seu objetivo com os investimentos. Ao final, deverá preencher dados pessoais e enviar documentação digitalizada. Tendo o cadastro aprovado pela Monetus, pode começar a investir.

Para escolher seu modelo de investimentos, você terá escolherá entre uma conta com meta definida (para quem busca um determinado valor dentro de um prazo pré-estabelecido), uma conta sem meta definida (para quem apenas visa a aumentar seu patrimônio) e uma conta de renda mensal (para quem quer estabelecer uma meta periódica). Feito isso, o app informará qual o valor mensal que você terá de depositar para alcançar sua meta.

Há opções de investimento de curto prazo (que o cliente pode resgatar em um dia), médio prazo (podem ser resgatados em até um ano), longo prazo (com resgate em até três anos) ou ações (que são resgatáveis em até cinco dias).

Como a Monetus foi fundada?

Monetus

Pode-se dizer que o nascimento da Monetus remonta à juventude de Daniel Calonge, um dos fundadores. Aos 19 anos, ele foi investir 30 mil reais e saiu do banco decepcionado com as opções sugeridas pelo gerente. Foi estudar a respeito, se apaixonou por investimentos e decidiu montar uma gestora.

Inicialmente, lá em 2012, era uma gestora de patrimônio de grandes fortunas em Belo Horizonte. Junto com o outro fundador, Vinícius Costa, decidiram que era hora de proporcionar o serviço de gestão para os menos afortunados também.

Ao perceberem que a tecnologia e automação de processos seria capaz de ampliar esse leque, a gestora deixou de ser offline e se tornou 100% virtual. Assim surgia a Monetus, em 2016, com parceria da Amaril Franklin e a participação de outros quatro sócios: César Oliveira, Willian Max, Daniel Horta e Felipe Ribeiro.

O capital inicial veio dos próprios sócios e do investidor-anjo Wilson Brumer, ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado de Minas Gerais. Os sócios não comentam sobre os valores.

Quais são os pontos positivos da Monetus?

Monetus

O Brasil é um dos países com as taxas de juros mais altas do mundo e, ainda assim, a maior parte das pessoas ainda opta por investir em poupança, que tem retorno muito baixo. O que leva os brasileiros a essa escolha são os riscos, a falta de conhecimento e a dificuldade em entender como tudo funciona.

O objetivo da Monetus é aumentar a gama de opções para esse cidadão comum que quer diversificar seus investimentos. O cliente mais conservador pode optar por um retorno menor com pouco risco, enquanto os mais ousados podem arriscar mais por lucros maiores.

Fato é que o investimento mínimo inicial é baixíssimo – 100 reais, os processos que antes eram feitos em papel estão todos simplificados e automatizados, a plataforma é simples, o algoritmo é funcional, as taxas da Monetus são em média quatro vezes menores do que os bancos e o retorno é maior.

Modelo de Negócio da Monetus

Veja abaixo o modelo de negócio da monetus desenhado no business model canvas

Modelo de Negócio da Monetus - Business Model Canvas

Como a Monetus ganha dinheiro?

A Monetus trabalha com três produtos, que são modelos de investimento com maior ou menor grau de automatização. No primeiro, o cliente entrega o serviço ao robô, que monta uma carteira cujas alterações se restringem ao percentual e cada fundo escolhido.

No segundo, o investidor pode criar sua própria carteira a partir das sugestões iniciais da plataforma. E, no último, é o cliente quem monta sozinho sua carteira, baseado apenas no simulador e no comparador de fundos da Monetus.

A Monetus não cobra taxa de resgate ou manutenção. Sua fonte de renda vem das taxas de gestão e de administração dos fundos e títulos de crédito. Esse último percentual varia de acordo com o tipo escolhido pelo cliente:

  • Fundo de renda fixa Monetus: 0,3% ao ano
  • Fundo de ações Monetus: 0,6% ao ano
  • Fundo Multimercado e Debêntures Incentivadas: 0,6% ao ano + 10% sobre o que superar o CDI
  • Títulos de crédito privado: 0,3% ao ano

Monetus

Essas taxas são cobradas diária e automaticamente, calculadas proporcionalmente às taxas anuais. Já a taxa de gestão incide somente sobre CDBs, LCIs e LCAs. Ela é calculada todos os dias proporcionalmente à taxa anual de 0,3%, mas só e cobrada quando o usuário movimenta a conta (aplicação ou resgate).

Além desse fluxo de receita regular, a Monetus recebeu investimento da Distrito Ventures em 2017 e o fundo americano k50 comprou uma participação na empresa no final de 2018.

A Monetus conta hoje com cerca de 12 mil clientes e tem 120 milhões de reais sob custódia. Ela espera alcançar os 200 milhões ainda em 2019. Segundo Costa, a maior concorrência da empresa ainda são os bancos e corretoras tradicionais. Mas a fintech tem a pretensão de ser o maior serviço de investimentos do Brasil.

 

Curso Business Model Canvas
-38%
R$79 R$49
-14%
R$150 R$129
-34%
R$149 R$99

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.