O que é Lean Startup

Ciclo do Lean Startup

Lean Startup (ou Startup Enxuta) é um método de criação e gerenciamento de startups. O método ensina como criar produtos desejados por clientes, criando ciclos de aprendizado rápidos para que mudanças no direcionamento das estratégias da empresa ocorram visando um crescimento acelerado.

Muitas startups começam com uma idéia de produto que elas acreditam que as pessoas desejam. Elas então gastam vários meses, às vezes anos, aperfeiçoando esse produto sem nunca mostrá-lo, nem em sua forma mais rudimentar, para potenciais clientes. Quando elas falham em conseguir clientes pagantes, geralmente é porque elas nunca conversaram com clientes potenciais e escutaram se o produto era de interesse deles ou não. Quando clientes finalmente testam o produto e este não atende de forma desejável suas necessidades, a startup morre. É uma jornada triste e extremamente comum.

O método do Lean Startup (ou Startup Enxuta) foi criado por Eric Ries e foi uma adaptação do conceito de Customer Development de Steve Blank. O método ensina como você deve direcionar os esforços de uma startup, indicando quando redirecioná-la ou quando preservar suas estratégias para um crescimento acelerado.

Ciclo do Lean Startup

“O Sucesso das Startups pode ser desenhado seguindo um processo, o que significa que pode ser aprendido, o que significa que pode ser ensinado.”
– Eric Ries

Elimine a Incerteza

A falta de um processo de gestão feito sob-medida para startups levou muitos empreendedores iniciantes a abandonar qualquer tipo de processo por completo. A maior parte desses empreendedores adotam uma abordagem que podemos denominar como “apenas execute”, evitando qualquer forma de gestão empresarial. Start-ups, segundo Eric Ries, são instituições desenhadas para criar um novo produto ou serviço sobre condições de extrema incerteza. O uso do  Lean Startup, busca fazer com que empresas criem ordem e não caos, fornecendo ferramentas para testar hipóteses continuamente e tomar decisões em cima dos aprendizados gerados por esses testes. O Lean Startup não é simplesmente gastar menos dinheiro, não é apenas falhar rápido e barato. Trata-se de estabelecer um processo estruturado, uma metodologia em torno do desenvolvimento de um novo produto em um ambiente de grande incerteza.

Não trabalhe duro, trabalhe de forma inteligente

Segundo Steve Blank, uma startup não é uma versão reduzida de uma grande empresa. Por isso, o Lean Startup possui a premissa de que toda startup é uma grande experiência que tenta responder a uma simples pergunta. E essa pergunta não é “Esse produto PODE ser construído?” A pergunta correta é “Esse produto DEVE ser construído?” O experimento é mais do que apenas investigação teórica; ele é o produto. Se for bem-sucedido, permitirá que um empreendedor siga em frente: recrutando os seus primeiros usuários, contratando funcionários a cada novo ciclo de crescimento e, eventualmente, começando a criar uma empresa de verdade. No momento em que o produto estiver pronto para ser amplamente distribuído, ele já terá clientes estabelecidos. Ele terá resolvido problemas reais e oferecerá especificações detalhadas para o que precisa ser construído.

lean startup - aprender mais rapido

Desenvolva um MVP

Um componente principal da metodologia do Lean Startup é o ciclo “construir-medir-aprender” (build-measure-learn feedback loop). O primeiro passo é descobrir qual é o problema que precisa ser resolvido para que um produto minimamente viável (minimum viable product = MVP) seja criado e assim o processo de aprendizado ocorra da forma mais rápida possível. Uma vez que o MVP tenha sido criado, a startup pode começar a ajustar o seu motor. Isso irá envolver mensuração e aprendizado e deve incluir métricas acionáveis que possam demonstrar causa e efeito.

A startup deverá também utilizar um método de desenvolvimento investigativo chamado dos “5 porques” – perguntas simples para estudar e resolver problemas ao longo do caminho. Quando esse processo de medição e aprendizagem é feito corretamente, fica claro que uma empresa está criando um direcionamento correto para seu modelo de negócios. Se não, é um sinal de que é hora de girar (pivotear) ou fazer uma correção estrutural do caminho para testar novas hipóteses sobre o produto, estratégia e mecanismo de crescimento.

Aprendizado Validado

O progresso na indústria é medido pela produção de produtos de alta qualidade. Já para Startups Enxutas, o progresso é medido pelo aprendizado validado – um método rigoroso para demonstrar progresso quando se está em um cenário de extrema incerteza. Uma vez que os empreendedores abracem o conceito de aprendizado validado, o tempo de desenvolvimento pode ser reduzido substancialmente. Quando você se concentra em descobrir a coisa certa para construir a coisa que os clientes querem e vão pagar, você não precisa gastar meses esperando por um lançamento da versão beta do produto para mudar a direção da empresa. Em vez disso, os empreendedores podem adaptar seus planos incrementalmente, centimetro a centimetro, minuto a minuto.

Princípios do Lean Startup

  1. Empreendedores estão em toda parte
    Você não precisa trabalhar em uma em garagem para ser uma startup.
  2. Empreendedorismo é gestão
    Uma startup é uma instituição, não apenas um produto, por isso requer gestão. Uma nova forma de gestão desenhada especificamente para o seu contexto de incerteza.
  3. Aprendizado Validado
    Startups existem não para criarem coisas, fazer dinheiro e servir clientes. Elas exitem para aprenderem comoc onstruir uma empresa sustentável. Essa aprendizagem pode ser validada cientificamente por experimentos que nos permite testar cada elemento de sua visão.
  4. Contabilidade de Inovação
    Para melhorar os resultados das empresas e criar maior senso responsabilidade por parte dos empreendedores, precisamos nos concentrar nas coisas chatas: como medir o progresso, como definir metas, como priorizar o trabalho. Isso requer um novo tipo de contabilidade, específico para startups.
  5. Construa-Meça-Aprenda
    Uma atividade fundamental de uma startup é transformar idéias em produtos, medir como clientes respondem e aprender se é preciso mudar alguma coisa ou manter. Toda startup de sucesso deve ser direcionada para acelerar esse ciclo de construir-medir-aprender.

Lean Startup versus Métodos Tradicionais

As ideias do Lean Startup contradizem princípios antigos sobre como os empreendedores devem abordar o lançamento de um novo negócio.

O pensamento tradicional sustentava que os empreendedores deveriam desenvolver um plano de negócios plurianual e depois usar esse plano para arrecadar dinheiro para financiar atividades de desenvolvimento de produtos.

Além disso, os princípios tradicionais aconselham os empreendedores a desenvolverem seus produtos em “modo secreto”, mantendo assim suas idéias de produtos desconhecidas para qualquer pessoa além da equipe e seus investidores.

A metodologia de lean startup exige que os empreendedores iniciem seus empreendimentos levantando hipóteses para seu modelo de negócios e testando suas ideias. O feedback de clientes potenciais é então usado para ajustar suas idéias à medida que avançam.

O que siginifica ser uma Startup Enxuta

O Lean Startup garante que os empreendedores desenvolvam produtos que os clientes realmente querem, em vez de tentar construir negócios baseados em ideias não testadas.

A metodologia é comumente descrita com a frase “falhe rápido, falhe barato” porque o processo é projetado para limitar o tempo e o dinheiro investidos em ideias de produtos antes que os empreendedores tenham que testar e provar seu valor potencial.

A História do Lean Startup

Várias publicações ajudaram a popularizar os conceitos da startup enxuta. O mais reconhecido é o livro de Eric Ries The Lean Startup lançado em 2011. Ries, que havia estudado um curso de desenvolvimento de clientes (customer development) ministrado por Steve Blank no início dos anos 2000, depois que Blank, investidor experiente em startups, se inspirou na abordagem ágil da Toyota à manufatura conhecida como manufatura enxuta (lean manufacturing). A produção enxuta é uma metodologia de fabricação que valoriza a capacidade de mudar rapidamente.

Em 2012, Blank e Bob Dorf publicaram seu manual The Startup Owner’s Manual, que descrevia mais profundamente o conceito de customer development que serviu de inspiração

Tendência em Crescimento

Os princípios de startup lean ganharam força nos últimos anos, com escolas de negócios ensinando a metodologia e empresas estabelecidas e grandes corporações aplicando idéias de startup enxuta em suas próprias iniciativas de inovação.

Quando feito corretamente, a metodologia lean startup é um ótimo modelo para a construção de seus negócios.

Baixe gratuitamente o Lean Canvas, um canvas inspirado no Lean Startup.

Ferramentas

Lean Canvas em PDF

Gratuito

 

Fontes:
https://www.startups.com/library/expert-advice/lean-startup-methodology-can-help
https://en.wikipedia.org/wiki/Lean_startup
https://hbr.org/2013/05/why-the-lean-start-up-changes-everything
https://www.investopedia.com/terms/l/lean-startup.asp
http://theleanstartup.com/principles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECEBA NOVIDADES NO SEU

EMAIL

Quer ficar por dentro das análises dos mais diversos modelos de negócios do planeta? Assine agora e não perca nenhum novo post!